Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Francesinha

Neste blog vou falar de tudo o que me passar pela cabeça, coisa positivas, desabafos, curiosidades, preocupações, outros.

A Francesinha

Neste blog vou falar de tudo o que me passar pela cabeça, coisa positivas, desabafos, curiosidades, preocupações, outros.

07/07/16

Um pequeno grande desabafo.

Ja faz algum tempo desde a ultima vez que postei algo, e muita coisa aconteceu. Para ser sincera nao acho que tenha mudado muito, tudo apenas se repete.

A minha mãe continua a estragar-se à vida aos poucos, e a fazer comentarios deslocados, como por exemplo "em 2018 ja não estarei viva, ou coisas do genero. Eu ja lhe disse: "antes de falar, pensa no impacto que o que dizes te afectaria se fosse alguém que amas a dizer-te-o"... mas ela simplesmente não quer saber. Mais um pedido de ajuda provavelmente mas... como se pode ajudar alguém que não quer ser ajudado ?
Ou como ajudar alguem que ja foi ajudado mas que decidiu voltar ao sofrimento ? como ajudar alguém que simplesmente não quer mais saber?

Eu não percebo é o porquê dela continuar a culpabilizar os filhos? pouco importa o que fazemos ou dizemos o resultado é o mesmo: so esta bem durante 1 ou 2 dias.

Para além disso... ela culpa os filhos, mas... para ser sincera...Eu não me lembro de uma unica vez que ela realmente se preocupou conosco...

Quando meus irmaos faltavam às aulas, quando eles abandonaram os estudos, quando eles saiam à noite, ou até mesmo à qualquer hora ou momento , ela nunca nos perguntou se iamos bem, como se passou a semana, o que estamos a pensar, a viver, porque abandonaram os estudos , nao ... nada. Ela apenas disse "vocês so contam se quiserem. Eu fico à espera que me digam isso ja que eu pergunto" ok ... bem até posso aceitar. Mas nesse caso... porque nos é que temos que adivinhar quando ela vai bem ou mal ? Porque ela nao nos diz sem termos que perguntar?

Mas na historia, o que me magoa acima de tudo é que ela chega a um ponto em que ela nao quer saber de mais nada. Mas nos culpabiliza de nao nos importarmos...

Ja é a milésima vez que ela desiste de tudo. Ha limites!

Ela agora anda a falar de divorcio. Isso é outro épisodio que estamos fartos de rever. Ela tem razoes para o fazer, e ja tentou mas passado uns meses voltaram juntos. E agora voltam a falar disso e no dia seguinte esta tudo bem, e depois volta, e SEMPRE A MESMA COISA !

Mas porque fazem isso? porque estragam a vida deles neste ciclo e obrigam as pessoas a entrar nesse ciclo ?

O meu irmao mais velho é o unico ainda a viver com eles (devido à alguns problemas) senao eu e o meu outro irmao vivemos em outra cidade.

Sempre que ha algo, a minha mae telefona-me e pede-me para vir para casa, e la vou eu, apanho o autocarro e vou. Mas chegando la, nao apenas ouço tudo o que se passou, mas também me poem na historia... e depois dizem que venho por interesse, que nao me importo com eles...

E eu nunca percebi;.. o meu outro irmao que saiu de casa, nunca ouviu as historias deles, sempre agiu "indiferente". Ele nao quer saber dos problemas e so vai visita-los quando lhe agrada...entao porque que ele nao ouve nenhum comentario/critica?

Em fim, estas historias que se repetem ...estou tão farta... mas é mais forte do que eu. Nao posso apenas ignora-los...

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.