Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Francesinha

Neste blog vou falar de tudo o que me passar pela cabeça, coisa positivas, desabafos, curiosidades, preocupações, outros.

A Francesinha

Neste blog vou falar de tudo o que me passar pela cabeça, coisa positivas, desabafos, curiosidades, preocupações, outros.

16/08/16

Justiça ? onde ?

Um dos meus irmãos decidiu ir à discoteca sozinho. Não sei bem o que se passou mas pelos vistos os seguranças (3) agrediram-no dentro e fora da discoteca. Ele provavelmente estava muito bebedo e provavelmente ficou agressivo se o tentaram agarrar.

Eles provavelmente tinham razões para o meterem fora; no entanto baterem nele dentro e fora da discoteca , 3 contra 1, ja não é admissivel. Ainda mais que o meu irmão desmaiou a frente da discoteca e eles não fizeram nada ! o minimo seria chamar uma ambulancia !!!

Então o meu irmão acordou , pegou o carro, voltou para casa. O amigo dele, onde ele esta a viver durante as ferias o levou até a policia para ele prestar queixa. No entanto, a policia gozou com a cara dele e não fizeram nada. Eu percebo que eles provavelmente estejam habituados a estas situacoes, mas ha limites.

Depois disso, ele foi para o hospital. E mais uma vez gozaram com a cara dele.

é inadmisivel. Pouco importa o que ele tenha feito, esta situacao é exagerada, bruta e injusta.

Agora ele anda todo pisado, com dificuldades para respirar entre outros...

Parabéns Portugal, em certos aspectos sabem ser baixos.

 

05/08/16

Nada muda, nem mudara

Eu sempre digo « ja chega ! » mas acabo sempre por tentar ajudar na mesma, tento sempre mudar as coisas. Mesmo se ja percebi que não vale a pena ajudar quem não quer ser ajudado, eu apenas tento e tento e tento mil vezes.

Faço mais mal a mim do que bem, porque afinal nada muda. Afinal mentem sempre, e sempre repetem os mesmos erros.

Neste caso, estou a falar da minha mae..mais uma vez encontrei uma garrafa de alcool. Desta vez decidi enfrenta-la, como ela tinha pedido na ultima vez. Então fiz-o. E adivinhem? Ela simplesmente mentiu de novo: “faz mais de 6 meses que ta ai, até a tinha esquecido!” Bem, se não fosse o facto de eu olhar frequentemente la, eu até teria acreditado, mas não , era recente então disse-lhe isso mesmo. Disse-lhe também para não dizer que é um pedido de ajuda porque ja é gozar com as pessoas, porque ela não liga ao que os outros dizem. Eu ja nem conto as vezes que lhe digo “não bebas, isso so te destroi. Tu vais acabar no hospital e sabes disso. Lembra-te o que o médico disse” e ela simplesmente respondeu desta vez “eu bebo para morrer”.

Eu acho insuportavel ouvir algo assim. Não é a primeira vez, não sera a ultima. Ja lhe disse o que eu sentia por ela dizer isso SEMPRE. Para mim não é pedido de ajuda, apenas esta claramente a dizer “eu nao quero saber de ninguém, nem de familia, nem de amigos. NADA” para mim é isso que significa, um acto de egoismo. Então disse-lhe isso e claro, a culpa é nossa que nunca mostramos qualquer acto de amor.

Eu realmente sinto que ela ta a gozar comigo, que ela nao aceita o erro de qualquer maneira, sera sempre culpa dos outros. Tenho feito pequenas surpresas a ela (flores, casa limpa, perfumes, passeios, conversas entre outros) e ela simplesmente esquece essas pequenas coisas que ela diz precisar. Ela apenas nao valorisa...uma vez mais, eu disse-lhe isso.

Então claro, passamos à phase “é culpa do teu pai que nao me ama”, hey, isso é conversa a ter com ele. Eles quase que divorciaram (separaram-se por um momento, mas meteram-se juntos de novo), foi escolha deles. Em vez de tentarem falar, de mudar nao. Eles apenas falam “ eu é que trago dinheiro para casa!” (que seja por trabalho ou doença). É como hoje, tudo comecou por meu pai ter esquecido os 26 anos de casamento..mas em vez de falar disso, discutem sobre dinheiro, horas que chegam a casa, tudo menos isso. Entao a opcao mais facil: ALCOOL !

O que eu digo entra por uma orelha e sai por outra. E sou a unica que ainda tenta, a unica que fala com os dois, que os ouve, que tenta dar solucoes. Mas claro, eu nao amo nenhum, eu so estou na casa deles como num hotel, eu so estou do lado do meu pai ... Serio... porque nao realisam onde esta o verdadeiro problema? Porque nao falam entre eles?

Sempre que tento ajudar a minha mae, simplesmente me sinto desiludida, farta, quero desistir de tentar como ela desistiu. Eu realmente acho que ela esta a ser egoista, que so vê o que lhe agrada e que esquece tudo o que esta a volta dela.

 

10/04/15

Feminista ou não, eu não aceito.

Hoje vi uma cena que me chateou bastante. Como sempre, almoço rodeada dos mesmos amigos, somos 8, ha 2 casais, um rapaz, eu, e mais 2 raparigas. E hoje, o ambiente era bastante estranho, uns chateados, outros que eram ignorados, tudo devido ha algumas pequenas confusões que aconteceram no passado. Mas até ai tudo bem.

Até que uma das raparigas falar sobre um programa que dá na televisão que adora, e o namorado dela, estava sempre a repetir "esse programa é uma merda, não presta"  e ela deu-lhe uma pequena chapada para ele se calar e deixa-la falar (ele tem esse enorme habito de não a deixar falar, só para a chatear ) e qual foi a reação  dele

BATEU-LHE DE VOLTA ! 

Acusam-me de ser feminista, mas não sou assim tanto, apenas não admito violencia, que ela mereça ou não, não é aceitavel. Ha a diferença de força, ela estava a brincar, ele estava chateado, e mesmo que ele tivesse todas as razões do mundo, bater na namorada, que seja apenas uma chapada ou não , não se faz. 

Em alguns casos, as pessoas são obrigadas a  recorrer à violencia para defender-se, mas aqui não era o caso .

Tudo bem, ele estava chateado; ja não é primeira que ela manda chapadinhas na brincadeira e pelos vistos ele ja a pediu para parar, mas era realmente necessario bater-lhe de volta?

Eu nem sei como alguém é capaz de magoar a pessoa que ama assim tão facilmente. E nem pediu desculpa, nem explicou que não gosta dessa atitude dela, não, ele apenas disse que era culpa dela pois ela tinha mandado uma chapada primeiro ...

Tristeza

19/10/14

Profundas tristezas não saradas...

Ha dias, ha situações em que ja não sabemos como agir... o que fazer... o que dizer.... Por vezes, sentimo-nos tão mal, mas por habito fazemos de conta que tudo esta a correr bem ...as pessoas tem a impressão que nunca nos sentimos tristes, que podem dizer o que querem, fazerem o que quiserem; agirem como querem...E nos sentimo-nos cada vez mais destruidos, sentimos que ja estamos no limite, que não aguentamos mais, e mesmo assim, aqui estamos...aqui estamos com esse habito de sorrir, de mentir, de actuar...e o pior é que todos acreditam...

Talvez seja nossa culpa, nossa culpa por não sabermos pedir ajuda, ou nossa culpa por não conseguirmos ser sinceros conosco mesmos... eu não consigo... pergunto-me o que ainda faço aqui , pergunto-me porque continuo a suportar tudo isto e continuar a fingir... pergunto-me quem realmente sou afinal...

Começo a não saber como agir, a perder as forças... todos acreditam que talvez seja uma fase, que somos fortes por aguentar..eu diria que somos fortes por fingir... quem nunca fingiu que tudo estava bem então que so tinhamos vontade de chorar? Quem nunca disse "estou apenas cansada" quando perguntava se estava tudo bem ? Quem nunca teve a sensação que vai explodir com tantos sentimentos reprimidos? Quem nunca teve vontade de desistir ?

Tentamos pensar naqueles que nos rodeiam, aqueles que precisam de nos, a familia, os amigos, namorados, ou pessoas que iremos conhecer... mas chega o momento, que ja nem isso nos da forças...

Continuamos a suportar tudo, a fingir por falta de coragem... Continuamos na esperança que tudo vai melhorar, continuamos pois os outros acreditam nos nossos falsos sorrisos...Continuamos pois não sabemos mais o que fazer...

 Hoje estou num dia em que o peso das tristezas guardadas estão de volta...

16/09/14

Isto irrita-me... e muito...

Todos os dias fico cada vez mais admirada com a generação que nos segue... e não pelo lado positivo...

Vou dar alguns exemplos, de coisas que ouço e vejo constantemente:

-> Rapariga/miúdas que arrotam como ogres em frente à toda a gente - justificando que é natural (arrotar e não só...), que as mulheres tambem o fazem como homens. Eu aceito que é natural, mas não é preciso faze-lo sem vergonha nenhuma, acho isso nojento! Ainda por cima acham imensa piada! Sinceramente ...

-> Canalha de menos de 15 anos, que o único vocabulário que têm na boca são asneiras! Não fazem 1 frase sem dizerem pelo menos 1 asneira... Onde está a educação ? Não me venham dizer "Não é culpa dos pais, eles podem ouvir isso na rua" - exato, repito: onde está a educação ? da canalha e dos outros (chamo canalha, porque são crianças que ficam felizes por serem capazes de dizer tanta asneira)

-> Raparigas que ainda anda na escola (menos de 15 anos) que falam sobre como bateram/andaram a luta com outros, e que forem castigados por isso, e ainda repetem " ele vai levar um soco meu nas trombas! " ....Não comento...

-> Raparigas que cospem no chão (velhas, jovens ou adultas)... já ver rapazes a fazerem isso é desagradavel então mulheres...

 

E finalmente,

-> Aquelas expressões que não querem dizer nada: "estou cansada, tua mae!" ????? Porque sempre chamar às mães? porque acrescentar mãe neste comentario? dizer apenas "estou cansada" não chegava? Essa ouvi hoje, tem outras expressões para caracterizar os pais (mas não sei como traduzir em portugues), ou então "wesh" - no fim de cada frase, ou "Sobre a vida da minha mãe!" que seja para jurar ou por outra razão...

 

Eu costumava ver os franceses como 'Educados'....Mas os mais jovens estão a estragar essa imagem... não sei se o fazem por ser "discurso popular" ou se é para se mostrarem rebeldes ou outras razões...mas, é mesmo necessário ?

 

Não sei o que vocês acham...mas vou dizer que é uma "degradação da sociedade"...  é triste

14/09/14

O Facebook já era.

O facebook tem se tornado num diário onde as pessoas desabafam, escrevem tudo e nada, onde lemos estamos como "tenhu suno" (eu levo imenso tempo para entender alguns) ou "Como eu gosto de saber as novidades familiares pelo facebook .... é mesmo fixe ..." - resolvam logo os problemas em vez de enviar 'indirectas' ..... Claro que tudo depende da lista de amigos que temos, mas mesmo assim quase todos poem estados sobre a tristeza deles para depois haver alguém que pergunta "que se passa?" e eles responderem "nada" ...coisa mais irritante!

Ou então publicam videos, imagens, e músicas, mas aí tudo bem visto que é uma das caracteristicas do facebook.

 

Antes eu passava imenso tempo no facebook, achava piada, mas agora já me fartei, pensei várias vezes em apagar o facebook mas não o faço pois utiliso-o para falar com pessoas que estão longe...mas pronto, o Facebook já irrita-me, não consigo passar mais de 5 minutos na pagina inicial... Para não falar dos pedidos de jogos, se bem que agora já não recebo muitos porque bloquei maioria dos jogos (menos mal).

Esta rede social apenas nos permite de nos apercebermos mais da estupidez das pessoas, como por exemplo hoje li:

"Vi uma luta entre gajos, só faltava as pipocas" - claro, as pessoas nunca se intrometem, que seja para ajudar ou apenas para parar as parvoices, não apenas ficam a olhar...e ainda acham piada -.-'

 

 

Creado por Pawel Kuczynski (farei um post sobre este artista mais tarde )
12/09/14

Carro encontrado

Lembram-se de eu ter falado que roubaram o carro ao meu pai ? Bem, hoje ele foi encontrado! Mas.... totalmente queimado!

 

 

Não sei porque as pessoas fazem isso... Porque roubar um carro para deixa-lo nesse estado depois? Não sei se é simples maldade ou se fizeram por diversão, mas sinceramente, o meu pai ficou bem irritado...e com razão.

O carro estava algumas cidades mais longe da nossa, perto de uma floresta, assim, a beira da estrada. Os que viviam perto do local disseram que viram jovens no carro Sexta-feira, e parece que na Terça-feira foi queimado...

04/09/14

Carro roubado !

As aulas começaram hoje , mas nada de especial, todos os anos é a mesma coisa, vemos novas caras, antigos amigos, somos separados da nossa antiga turma, conhecemos novos professores e bla bla bla... Para mim o dia até correu bem, agora para o meu pai nem tanto:

 

Então as 7h30 o meu irmão mais velho sai de casa como sempre para ir trabalhar, mas O CARRO NÃO ESTAVA NO SITIO DELE! foi roubado... no entanto era um carrito pequeno, dos baratos e velhos... então pronto, meu pai teve que acordar mais cedo e levou o Fábio (meu irmão) ao trabalho - O meu irmão estava calmo, já o meu pai estava de extremo mau humor! o que se percebe... bela maneira de dizer "bom dia"..

 

Nós temos 3 carros em casa, nmas 1 deles sobreaquece então não faz grandes distancias, outro tem um problema no motor (faz barulhos estranhos), e este que era o unico que aparentemente iria aguentar mais tempo foi roubado...Á isso é que se chama de Sorte !

 

É incrivel como, numa cidade aparentemente tão tranquila acontece isso. Se bem que , não importa qual cidade seja, haverá sempre "crimes" (uns mais graves do que outros, mas continuam sendo considerados crimes)...

 

Ainda me pergunto : Porquê que o roubaram? Parecia facil a roubar? tinha la algo que os interessava ? (se bem que meu irmão disse que alem do radio e do gps - que estavam escondidos - não havia nada) Por diversão? Por necessidade? ou apenas por maldade?

 

Claro que o meu pai foi a policia, e tratou de tudo...mas não acho que a policia encontre o carro de novo... nem acho que o ladrão ande por perto...mas esperemos que isso seja resolvido da melhor maneira!

 

P.S: Agora terei menos tempo para vir ao blog, como muitos de vocês, mas mesmo assim tentarei vir, e tentarei postar algumas coisinhas ....

30/08/14

Tudo depende das nossas ações, decisões...não, espera

Hoje tive direito a todas as teorias (vindo de uma amiga, que as disse todas em menos de 1 hora, sobre um assunto) :

 

" A nossa vida está traçada desde o nosso nascimento, o que era para acontecer, Acontece" - Nem comento ...

" É tudo uma questão de genética - eu tenho os mesmos sonhos que a minha mãe, ela queria ser Hospedeira e eu tambem quero ser" - Sim, porque os sonhos de cada um faz parte da genética, CLARO QUE SIM (lol)

" É destino" - Cada um pode mudar esse suposto "destino"...

" Temos que acreditar em algo, como certas pessoas acreditam em Deus" - Se quiseres...

" Tudo o que a minha mãe sonha , acontece...ela acredita que é o meu avó (que está falecido) que está a dizer-lhe coisas..." - Previsões? Bruxedo? Espiritismo? Sério?

 

...

 

DESCULPEM MAS EU NÃO ACREDITO EM NADA DISSO!

 

 Dizer que nossa vida está traçada é falso... Durante a nossa vida, o nosso crescimento mudamos, alguns decidem mudar de sexo, outros decidem de deixar de viver, ou outras coisas... nada é traçado, pois tudo é incerto... Coisas acontecem , coisas que não controlamos, mas que de certa maneira, é nossa culpa...

Questão da genética, isso eu até acredito... no entanto, ao acrescentar a parte dos sonhos... é apenas ridiculo e for do contexto...Ela provavelmente quer ser porque ouviu a mãe falar muito sobre isso, e porque essa profissão parece interessante...não é genética

Destino, alguns acreditam, outros não. Eu não acredito, por isso não comento.

Acreditar em algo para nos dar força para continuar em frente (que seja em Deus ou outras coisas) - Essa eurespeito e não comento.

O que ela sonha acontece? O pai dela diz-lhe coisas?... essa eu não respeito, pelo menos não a parte do pai dizer-lhe as coisas...

 

Para mim essas frases foram ridiculas, e um pouco fora do contexto visto a conversa que estavamos a ter...mas okay... cada um com as suas ideias...

 

 

 

28/08/14

O que achei do filme "Lucy"

Como vos tinha dito mais cedo, eu tinha previsto ir ao cinema com uma amiga ver o filme "Lucy". Mesmo sabendo que não gosto muito de filmes de ficção cientifica, tinha decidido dar uma chance ao filme.

Ao chegar, sentamo-nos, a sala não tinha mais que 20 pessoas e então começou...começou 30 minutos de publicidade! Finalmente do filme começou.. Vou tentar não contar muito acerca do filme, no caso de haver alguns interessados.

 

Então no inicio tudo parece normal, nada de extraordinario : o filme começa com uma mulher com um homem - que conhece a pouco tempo à frente de um hotel e esse homem quer que ela entregue uma maleta (O que tem na maleta? Porque tem que ser ela e não ele? Porque é tão urgente) - presença de suspense e ação. (Interessante)

 

Tudo começa quando ela entrega a tal maleta, é ai que a vida dela muda...e de que maneira!

 

Para quem gosta de imaginar as coisas, imaginar como seriam as coisas se tivessemos "poderes especiais", imaginar a possibilidade de que ainda não chegamos ao maximo das nossas capacidades... Imaginar, a vida de outra maneira

 

Em termos de qualidade, está muito bem feito (efeitos, paisagens, personagens, etc) , mas eu pessoalmente achei algumas situações - Demasiadas ireais (se bem que isso é mesmo uma das caracteristicas de ficção cientifica...)

Aliás, um dos personagens principais, é um professor de universidade, que fala sobre a hipotese que nós usamos apenas 30% do nosso cérebro (segundo ele , não chegamos aos 30) - o que esse professor dizia para explicar a sua teoria (os argumentos), era para mim RIDICULO.

Durante o resto do filme, vemos mais ação , sangue, e ela a começar a usar cada vez mais as capacidades do cérebro... (O fim é quando ela chega aos 100%...)

 

O filme em si, não é mau, gostei do filme, apenas não gostei das partes onde a ficção cientifica estava mais presente... sobretudo no fim!

 

Mas, se vocés gostam desse tipo de filmes (ficção cientifica) aconselho :D

 

P.S: A minha amiga achou o filme um pouco nojento (o filme tem momentos onde podemos ver sangue, e pessoas abrindo barrigas e a retirar o conteudo - eu não achei que fosse 'nojento' não mostram nada demais...mas pronto, isto é apenas um aviso para os mais sensiveis.

 

Avalio o filme: 4,5 sobre 10 (mas claro, isto é, segundo os meus gostos)

 

 

 

 Scarlett Johansson - Actriz que interpreta Lucy

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.