Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Francesinha

Neste blog vou falar de tudo o que me passar pela cabeça, coisa positivas, desabafos, curiosidades, preocupações, outros.

A Francesinha

Neste blog vou falar de tudo o que me passar pela cabeça, coisa positivas, desabafos, curiosidades, preocupações, outros.

16/07/16

Somos consumidos pelo medo

O 14 de julho é em frança um feriado muito importante. Comos todos os anos ha fogos de artificios entre outros espectaculos dependendo das cidades.

Os franceses ja não se sentem seguros que seja em casa ou na rua. Quando pensamos que as coisas se acalmaram, tudo acaba em um fechar de olhos. Que vivemos numa pequena cidade ou numa grande, que sejamos de nacionalidade francesa ou não, um idoso, uma criança ou um adulto, todos ressentem esse medo.

Durante o Euro, tomaram precauçoes pois era um evento que traria muita populaçao e felizmente tudo correu bem. Poucos dias depois da final, então que os franceses assim que turistas aproveitavam desses fogos de artificios, numa noite de calor, calma. Havia alegria nos rostos, estava tudo pacifico.

Eu não vivo na zona, mas pouco importa onde estamos, imaginamos facilmente o horror, o choque e a tristeza desse dia. Alguns de nos ainda nem consegue acreditar, outros poem-se no lugar deles e dão se conta que não importa onde, nem quem, pode acontecer a qualquer momento e qualquer lugar.

 

Chegamos a um ponto que todos os dias pensamos se tudo ira correr bem hoje, chegamos a um ponto em que não sabemos mais se havera amanhã.

 

Não interessa as razões que os levem a tal acto, ninguém esta seguro, todos vivem com um constante medo. Inocentes ou não, idosos ou crianças, franceses ou estrangeiros, não ha do.

 

Eu não sei quando isto vai acabar ou se vai, mas ... TEM QUE ACABAR.

Não so em França mas em todo o lado ! Todas essas pessoas que são hoje estrelas no céu (como costumam dizer), todas estas familias e amigos devastados, todas estas cenas de horror, que seja em França ou outros paises, nada justifica esses actos.

Politica, religiao ou outro, nada justifica acabar com vidas como se fossem folhas de papel. NADA

 

Hoje tenho medo de sair a rua, de ir ao centro comercial, de ir a universidade, de pegar o comboio, de ir a concertos, tenho medo da populaçao nao pelas pessoas mas por medo que aconteça algo.

Pessoas que vemos todos os dias, vizinhos, ou outros, não sabemos.

Como acabar com este horror?

Lets-pray-for-everyone-does-not-matter-where-sayin

 

 

07/07/16

O Eczema esta de volta !

Este é o segundo post que escrevo hoje, em menos de uma hora.. mas visto que o assunto é completamente diferente, decidi não escrever tudo no meso.

 

Eu não sei se vocês conhecem o Eczema, é uma espécie de alergia, estamos sempre com vontade de nos cossar e acaba por formar placas vermelhas ou pior dependendo do quanto se cossa.

Sempre sofri disso, desde que sou pequena. Quando era pequena passava a minha vida no dermatologista e ele acabou por dizer "com a idade isso passa".. ele estava errado.

 

Em Portugal tinha todos os anos: no pescoço ou nos braços. Mas não era nada demais. As vezes arranhava-me, mas nunca durava mais de 2 semanas.

 

No entanto, este ano não sei o que se passa mas começei a ter Eczema nas palmas das mãos. Nunca tinha tido nessa localizaçao antes mas no inicio não dei importancia. No entanto depois de um mês, apenas piorava. Até chegou aos dedos que acabavam por enchar. Decidi ir tratar disso e fui ao medico, que nao podia atender-me então fui as urgencias (em Maio). Deram-me cremes. Disseram que era normal, que era devido ao stress. Os cremes fizeram efeito, mas nao desapareceu totalmente.

Infelizmente voltou, mas nao era a mesma coisa. Entao fui a um dermatologista. Ele deu-me cremes e medicamentos e mandou-me fazer analyses (isso inicio Junho). No entanto os medicamentos e cremes não fizeram absolutamente nada e hoje ainda esta pior.

Eu não o que devo fazer... até agora a melhor opcao era apenas esperar que passe... depois os cremes...mas agora, que esta num estado diferente nenhum dos 2 faz efeito.

Nunca tive Eczema nesse estado, e começo a perguntar-me se é mesmo isso...

 

01/07/15

CALOOOOOOOOOOR ! Demasiado eu acho !

Este calor é horrivel ! Não da para dormir à noite, à tarde esta demasiado abafado, não se pode sair à rua, não se pode fazer nada que não se aguenta com este calor ! 

Passamos o dia todo à transpirar! Se puderem ir à praia ou à piscina não hesitem !! Quem me dera poder estar numa piscina agora mesmo ! Agua beeeeem fresca ! 

Por mim, passaria o dia todo à tomar banho, de agua BEM fria ! Mas não posso, meus pais me matariam >< 

Como vocês fazem para aguentar com este calor ? 

Como gelados, bebo agua (que aquece logo mal sai do frigorifico), não me apetece sair à rua com este calor, mas em casa também não esta melhor :/

Andamos aqui a transpirar o dia todo, se transpirar emagrecesse, seriamos todos apenas esqueletos, até a pele teria secado ! mas não, a transpiração não tem utilidade nenhuma.

Acho que vou fechar-me no frigorifico durante alguns dias  ! 

 

19/10/14

Profundas tristezas não saradas...

Ha dias, ha situações em que ja não sabemos como agir... o que fazer... o que dizer.... Por vezes, sentimo-nos tão mal, mas por habito fazemos de conta que tudo esta a correr bem ...as pessoas tem a impressão que nunca nos sentimos tristes, que podem dizer o que querem, fazerem o que quiserem; agirem como querem...E nos sentimo-nos cada vez mais destruidos, sentimos que ja estamos no limite, que não aguentamos mais, e mesmo assim, aqui estamos...aqui estamos com esse habito de sorrir, de mentir, de actuar...e o pior é que todos acreditam...

Talvez seja nossa culpa, nossa culpa por não sabermos pedir ajuda, ou nossa culpa por não conseguirmos ser sinceros conosco mesmos... eu não consigo... pergunto-me o que ainda faço aqui , pergunto-me porque continuo a suportar tudo isto e continuar a fingir... pergunto-me quem realmente sou afinal...

Começo a não saber como agir, a perder as forças... todos acreditam que talvez seja uma fase, que somos fortes por aguentar..eu diria que somos fortes por fingir... quem nunca fingiu que tudo estava bem então que so tinhamos vontade de chorar? Quem nunca disse "estou apenas cansada" quando perguntava se estava tudo bem ? Quem nunca teve a sensação que vai explodir com tantos sentimentos reprimidos? Quem nunca teve vontade de desistir ?

Tentamos pensar naqueles que nos rodeiam, aqueles que precisam de nos, a familia, os amigos, namorados, ou pessoas que iremos conhecer... mas chega o momento, que ja nem isso nos da forças...

Continuamos a suportar tudo, a fingir por falta de coragem... Continuamos na esperança que tudo vai melhorar, continuamos pois os outros acreditam nos nossos falsos sorrisos...Continuamos pois não sabemos mais o que fazer...

 Hoje estou num dia em que o peso das tristezas guardadas estão de volta...

10/10/14

Futuro, quem sabe.

Sou do tipo de pessoa que apenas consegue tomar decisões nos ultimos momentos, ou quando sou obrigada a faze-lo... Fazer escolhas, decidir coisas, coisas que vão decidir o meu futuro sempre me deixaram ansiosa... não consigo decidir... quer dizer, consigo, mas mudo logo de ideias...

Então como todos, chega uma altura em que o nosso futuro esta nas nossas mãos : o que fazer depois do 12ano ? Universidade? outra coisa? Que curso ?  e etc...

Não consigo escolher algo que me interesse realmente... não tenho ambição ...e sinto-me perdida...mas tenho que tomar alguma decisão... "traçar o meu futuro"

Mas não sei, até agora não houve nada que me fizesse pensar "é isto que quero fazer ! é a isto que quero me dedicar, viver por"

 

...E para vocês, foi facil ? Gostam do resultado das vossas escolhas ?

06/10/14

Incerto, rapido, medo ... VIDA

Tudo passa tão rapido... num momento esta sol, calor como se fosse verão...passado alguns minutos chove, esta frio...

Noutro momento vemos toda a gente a sorrir, e no outro, por apenas um copo de alcool a mais vemos violencia, gritos, choros....

A mim assusta-me realisar que as coisas podem mudar assim tão rapido, sem sequer nos dermos conta...

Tenho medo... sempre tive medo do incerto, mas com os anos nos demos conta que numa questão de segundos tudo pode mudar, o menos provavel acontece, as pessoas "transformam-se", numa questão de segundo tudo pode ser destruido, uma vida pode mudar, coisas acontecem... e o pior de tudo, é que nem consiguimos ter controle nisso...

Vão me dizer que não é uma questão de tempo, mas uma questão de atitude dos outros. E têm razão, o tempo, as horas, os minutos, não mudam nada, são sempre os mesmos...o que muda as situações são as pessoas...

Eu quero ter controle na minha vida, ajudar, ver o que se passa a minha volta e conseguir ajudar antes que piore... não quero ver coisas quase impossiveis acontecerem, não quero ver mais pessoas mudarem de personalidade em tão pouco tempo... não quero ver pessoas sofrerem mais... quero ter o controle... algo impossivel... algo incerto... não.

10/08/14

Preocupar-se? Importar-se?

Não sei se já vos aconteceu alguém vos pedir que prestam mais atenção nelas, que se preocupem mais e vocês apenas pensarem que isso vocês já fizeram mas que apenas não vale mais a pena...ja não vale a pena porque essa pessoa já não se preocupa com ela mesma, já desistiu há muito mesmo que vocês já tenham tentado de tudo mas que simplesmente essa pessoa não vos tenha escutado...E vocês se perguntam: o que faço? Continuo a preocupar-me, a importar-me com ela não importa o quê , ou simplesmente faço como ela, desisto? Provavelmente, todos vocês irão dizer “ a 1a opção, como é óbvio ” mas...e se isso se tornasse cada vez mais difícil?

Por exemplo, essa pessoa fica doente, gravemente doente mas se recusa de ir ao hospital...e vocês não tem carro para poder leva-la e os outros que a rodeiam não se importam com ela... o que fazer nesse caso? Sabendo que nem ela quer ir para o hospital... o que fazer então que estamos sem opções, o que fazer sabendo que não depende apenas da nossa preocupação... O que fazer quando somos os únicos a nos importar?

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.