Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Francesinha

Neste blog vou falar de tudo o que me passar pela cabeça, coisa positivas, desabafos, curiosidades, preocupações, outros.

A Francesinha

Neste blog vou falar de tudo o que me passar pela cabeça, coisa positivas, desabafos, curiosidades, preocupações, outros.

26/09/15

Desabafos ...

Como devem saber, nasci em França, e em Outubro 2004 fui viver em Portugal. No inicio as coisas correram bastante mal e até aos meus 15 anos, nada se arranjava. Não eram problemas de integração, nem financieiros, eram mais do tipo "familiar", problemas em casa, que eu sempre destestei de falar sobre isso.

Quando finalmente as coisas se acalmaram e que começei a voltar a gostar da vida, a criar mais laços com amigos, estudar o que gostava, tive que vir embora.

Na altura fiquei magoada com os meus pais, que não me deixaram escolha, que dizeram " se não vêm todos, ninguém vai" coisa que meu irmão não gostou de ouvir disse-me "se não formos por causa de ti, nunca te perdoarei", não tive escolha e vim para França.

No inicio, tive um pouco de problemas a aceitar, e logo no inicio tivemos mais problemas, então os 2 primeiros anos foram dificeis.

A familia: com problemas, e eu não me sentia no meu lugar. Fazia amizades, tentava suportar o que se passava em casa, mas para ser sincera, sentia-me cada vez mais mal, deprimida.(faltava às aulas, não falava muito, etc)

Até que, o 12ano começou a ser melhor que os outros. Em casa as coisas tinham se acalmado, e eu ja estava habituada a vida aqui, sempre a mesma coisa. Habituei-me a fazer de conta que confiava nos outros, e a não dar muito valor às amizades (medo de as perder) então era amiga de todos.

Este ano: tudo mudou !  

Eu tinha ganhado medo das mudanças, e finalmente, fiz uma outra grande mudança: universidade, viver longe dos pais.

Hoje, ja nao ha problemas em casa, tudo se acalmou, e eu, que estou noutra cidade, gosto do que estou a estudar, gosto do ambiente, da nova cidade.

Foi uma boa mudança.

No inicio ao chegar em França, sentia-me revoltada. Mas hoje, dou-me conta que se tivesse ficado em Portugal, coisas como universidade: nunca teria sido possivel, coisas como ter uma casa: nunca seria possivel.

O estado financieiro dos meus pais era diferente, e não ha muitas ajudas em Portugal.

Claro que tudo o que era amizades e a vida que levava la, ainda me causam saudades todos os dias, mas por outro lado, ja não me sinto tão presa ao Portugal. Ja começo a VIVER realmente em França e à gostar.

hd_wallpaper_14267.jpg

 

26/09/15

Actualização -

A vida universitaria està a correr bem ! Algumas aulas tenho dificuldades à seguir, e outras estou a ver que vão dar muito trabalho. 

Estou em : Humanidades e mundo contemporaneo.

Basicamente, estudamos as culturas. Começamos com as culturas de antes (Cultura Grega, cultura de Atenas, outras) e depois, pouco a pouco chegaremos à cultura de hoje.

Como aulas tenho: litteratura grega, sistemas religiosos, civilisaçao romana, cidadania, logica e argumentos, estatisticas, économia, ingles, mitologia grega, portugues, entre outros.

é bastante interessante pois vemos como funcionavam antes.

No entanto, ha muito trabalho pessoal, como por exemplo: pesquisas , saber de cor certas coisas (como por exemple: a arvore genealogica dos deuses gregos segundo um livro, eles sao muitos) 

th11.jpg

 Nesta imagem não estão todos, e não sei se vamos falar de todos.

Na mitologia grega, os deuses eram a origem do mundo. Cada deus/filho de deus representa um elemento do mundo (montanhas, noite, dia, o luto, o destino, as disputas; os combates, gigantes, o mar, etc.) e é por vezes um pouco confuso : alguns engravidam sozinhos (Parthé no genese, e até mesmo Androgenese ) e outros, engravidam dos filhos (Gaia e Ouranos) ou até mesmo dos irmaos (Noite e Erebes)

 

Gosto das disciplinas, o que estudamos interessa-me, mas como é claro, não sera tão facil como pensava.

 

Outra coisa: tive aula de português (é para iniciantes, mas eu nao queria perder as bases) e a professora, ao contar a historia de Portugal, disse que o ordenado minimo era de 800euros. Corrigi-a dizendo que quando fui embora em 2012 era de 475euros  e ela disse "em 2013, aumentou para 800euros". 

Seria bom sim, mas não. 

Sobre viver com a minha amiga: esta a correr bem, mesmo se ela é do tipo de pessoa que mastiga de boca aberta e que fala com a boca cheia (comendo rapido) !

E CONTINUAMOS SEM INTERNET § ( a box ainda não chegou, ha problemas com as entregas... ) 

 

 

11/09/15

Eu estou bem mas e os outros?

Bem, faz 2 semanas que estou a viver na nova casa. Todos os fins de semana venho visitar os meus pais. A casa é grande, e estou a habituar-me a cidade. 

Tudo esta a correr bem do meu lado . No entanto, sempre que venho visitar os meus pais, parece que aqui ja não é um sossego. Um dos meus irmãos anda a sofrer de qualquer coisa, e recusa-se a ir ao médico, mesmo que essas dores duram mais de 1 mês.

Essas dores provocam nele raiva, fica chateado e então esta sempre a mandar socos na mesa dele. E quando é fim de semana, ele bebe para "esquecer" .

Então podemos dizer que é um circo.. mas não dos positivos.

Não conseguimos ajuda-lo e ele esta a ficar cada vez mais "egoista" , no sentido em que, pouco importa a hora, ele tem que fazer barulho , que os meus pais e outro irmao trabalham ou não, ele pode fazer barulho até as tantas da manhã... 

 

Todos nos queremos ajuda-lo, e os meus pais não querem deixa-lo andar sempre assim, mas também não sabem mais o que fazer...

 

Como se diz "nem tudo dura para sempre" que seja felicidade ou infelicidade... Espero que esta face dele acabe ... Nem ele nem nos podemos aguentar mais ... 

 

27/08/15

Mudanças à chegar !

No inicio da proxima semana vou mudar-me ! 

Universidade começa dia 8, e ainda ha tanta coisa para fazer ...

No dia 24 assinamos, pagamos e vimos o estado da casa. A casa é NOSSA ! Ja temos as chaves. Tratamos de ligar para a agua e a électricidade, e isso esta resolvido . 

Este fim de semana irei a procura de mobilia barata (o essential : quarto, e outras coisas )

 

Ainda tenho que conhecer a zona, os autocarros e tudo esses detalhes, estou ansiosa para finalmente estar la ! :D

 

As coisas correram bem, encontramos solução para tudo, e agora é ver como se vai passando. 

Ainda não tenho a internet instalada, mas isso, não é bem uma das prioridades.

Pelo menos não para os primeiros dias.

 

Quanto à universidade, a inscrição sera completada no dia 2 (as aulas que quero assistir , as opcoes etc) . 

Perguntaram-me se haviam "Praxes" , eu realmente não sei, li na internet que era proibido desde 1998 em França, e que em vez disso havia uma espécie de Semana de integração e fim-de-semana de integração, que consiste em algumas festas e algumas provas, mas nada de humilhante. Mas eu acho que terei que descobrir, veremos como sera, veremos como se passa. 

 

So espero que não seja preciso Computador ... pois eu parti metade do ecrã do meu (não sei como ... ) , e não tenho dinheiro para um novo agora... 

 

24/07/15

Apartamento , ajudas, fiador, sei la .

Ontem andei a visitar apartamentos com a minha amiga, e finalmente, depois de 6 visitas, encontramos um que esta de acordo com os nossos preços e que ambas adoramos , apenas tem um ponto negativo : é longe da minha universidade, mas perto da universidade dela. E quando digo longe, quero dizer 40 minutos de transporte mais ou menos : Metro, e depois autocarro. (Ele chamam aquilo de metro, mas não é metro no subsolo, passa pelo meio da vila).

O apartamento é um T2 : 2 quartos, sala, cozinha, casa de banho, com duche e banheira separado (aqui em frança fazem WC e casa de banho separado ) e um espaçozinho exterior ,

Sinceramente, é o mais barato que encontramos, 557euros a renda (sem contar com electricidade, e agua ) , é no 1ero andar, coisa que normalmente não gosto, mas aqui a rua parece calma 

O metro é a 5 minutos à pé, com centro comercial um pouquito mais longe, é quase no centro da cidade.

No inicio , meu pai não concordou. Ele preferia que eu ficasse em casa, mas isso significaria apanhar 2 autocarros, que fariam 1h30 de trajeto ... Falamos em familia, e todos concordamos que se eu tiver dinheiro para poder pagar tudo, que eu devia fazer o que achasse melhor. Minha mãe afirma que eu deveria sair de casa, ir para a cidade onde fica a universidade, etc.

Depois de tudo, decidi que iria alugar um apartamento com a minha amiga, mas agora o problema ja não é o desacordo do meu pai, mas o problema do FIADOR ! 

Infelizmente os meus pais não podem ser (não recebem o suficiente) , e sem fiador, não posso alugar. Apenas me resta uma ultima hipotese: uma das minhas tias.

A renda, com tudo incluido, deve ficar por volta dos 700euros (electricidade, agua, gaz, renda) ou seja, perto de 350euros cada uma. Tanto eu como a minha amiga vamos receber 390euros de bolsa, + uma ajuda que o estado oferece (100 e tal euros cada uma), então o fiador não tem com que se preocupar, os riscos de não pagar ou não conseguir são muito fracos, tenho 2 ajudas, + meus pais e meus irmãos se algo correr mal, e do lado da minha amiga, o pai dela é o fiador dela. Sim, porque este apartamento é preciso 2 fiadores ...

Depois disso, aparece o problema de pagar: São 2 meses de renda, + dinheiro para a agencia imobiliaria (560euros) ao total vai ficar perto de 800euros cada uma para termos a casa.

Infelizmente , terei provavelmente que fazer um emprestimo ao banco para isso

Aqui em França ha muitas ajudas, para todos os tipos de situaçoes, mas claro, para os "de fora", o mais dificil são os papeis para obter essas ajudas........ 

Para não falar que tinha contado em encontrar um trabalhinho este verão como no ano passado, mas este ano esta mais dificil :/ Deixei meu Curriculum vitae em todo o lado, mas como vivo numa pequena cidade, ninguém precisa de mais empregados...ainda continuo procurando, em hypermercados, e isos

Espero que para a semana a minha sorte se melhore !!! 

12/06/15

França e o acesso às universidades !

Bem, tenho andado um pouco desligada, sem vir aqui ao blog nem nada eu sei ... Os exames estão a chegar e ha tanto para estudar !!! 

Aqui em França, pelo menos onde vivo, é facil ser aceite numa universidade. Em Portugal , se me lembro bem, ha toda aquela historia de conseguir nos exames, ter uma boa média para tal e tal disciplina, sem falar da média minima que depende das universidades... Aqui é diferente.

Para ja, é tudo por internet. Temos um site onde escolhemos os estudos que queremos, diferentes universidades, ou escolas preparatorias, ou cursos profissionais, e ao longo do ano os professores vão colocando os nossos resultados do 11ano e 12ano. Inicio do mês de Junho temos que ter ja os nossos ' pedidos ', que universidade, o que queremos fazer etc. E então, dia 8 Junho recebemos mensagem dizendo se fomos ou não aceites. Depois é so conseguir os exames, so precisamos da média (10 sobre 20) nada mais. 

Aqui toda a gente é aceite na universidade, pouco importa qual escolhes, isto claro se passares os exames. 

Isto aqui é tudo facilitado ^^ 

Eu vou para " Humanidades e mundo contemporaneo" Ja fui aceite, agora é so conseguir passar nos exames (que começam Quarta-feira ! )

Pronto, agora sabem um pouco mais sobre França :) E também tenho que procurar apartamento porque não sera na minha cidade :/ 

23/05/15

Não sei, amizades perdem-se, que queiras ou não ..

Tenho andado um pouco "desligada" do blog, não tenho postado nada, e tenho andado pouco presente no blog ... Os meus exames estão a chegar, deveria ter estudado mais, mas a preguiça é demasiado, é tempo de levar às coisas mais à seria, e tentar fazer algo de util .... Mas a preguiça é demasiada ... 

Não se tem passado nada de especial, apenas o mesmo de sempre, todos os dias vemos pessoas se afastando de nos, conhecemos novas pessoas, e é sempre o mesmo ciclo ... 

Isso nem me têm chateado muito, com tantas mudanças, tenho me habituado a perder amigos, tenho me habituado a dar demasiado valor às pessoas e a vê-las irem embora tão facilmente... magoa, magoa bastante quando a pessoa que se afasta é aquela que menos esperamos ... e depois, felizmente, ainda ha aqueles que mesmo que não os vês todos os dias, ou que não mandes mensagens todos os dias continuem presentes ! No entanto, todos percebemos que ja não é a mesma coisa... nunca sera. é diferente quando, nos afastamos daqueles que antes faziam parte do nosso dia-a-dia, é diferente mesmo que hoje com a internet podemos nos conectar a eles à qualquer momento pois eles ja não estão perto de nos, estão longe, estão a viver novas experiencias sem nos ... Ha quem diga "longe dos olhos, longe do coração", no inicio não queria acreditar, sempre pensei "ha sempre amigos que estarão sempre presentes" e é verdade... mas os que antes eram "melhores amigos" tornam-se pouco a pouco apenas "amigos" ... Se nos voltarmos a ver , eu sei que muitas lembranças irão aparece, que irei me lembrar o porque de eu os ter considerado tão bons amigos antes, mas entretanto, ha aquele sentimento que se vão afastando ... mando mensagem de vez em quando, mas sente-se que ja não ha a mesma confiança, ha aquele sentimento que ja fomos substituidos, e que somos agora "amigos de longa distancia" que esperam voltar a ver-se de novo um dia ...

Coisa que no meu caso, parece cada vez menos provavel...todos os anos , tenho esperanças, e todos os anos tenho outras "prioridades", sempre coisas que interferam, sempre coisas que me mantêm longe. E não, aquela frase de "quem quer , consegue" não é valida... não é assim tão simples, antes que fosse ...

E pronto, hoje apeteceu-me falar de amizades que vão se perdendo, que vão se tornando apenas lembranças ... Sei que posso contar com eles se necessario, mas temos que admitir que ja não é a mesma coisa..; ou pelo menos, é o que eu sinto ... pronto ... 

20/04/15

Baile de finalistas não é para todos ...

Em Portugal, quase todos não falavam de mais nada além da festa de finalistas, assim que da viagem de finalista, era como si, isso definisse o 12ano mais do que os exames. E quando cheguei em França pensei que seria parecido. Mas não. Onde estou a estudar, não ha tal coisa como viagem de finalista e quanto à festa ha, mas nem é baile de finalista, é "festa do liceu" . Estou no 12ano e não ouvi falar nem uma unica vez de baile de finalistas, viagem de finalistas ou algo parecido . Não sei fazem isso, ou se não fazem, não sei se são apenas os riquinhos que sabem acerca de isso ou se simplesmente não o fazem.

Fiquei com pena, eu acho que tais coisas como "viagem de finalistas" e "baile de finalistas" são a melhor maneira de acabar o ano, acabar estes anos de estudos para começar algo mais serio. Mas aqui em França, é como se fosse apenas mais um ano. 

Acho que não terei tal coisa como baile de finalista, e muito menos viagem de finalistas. é pena, realmente gostaria de ter tido essa oportunidade.

E para ser sincera, nem sei se aqui fazem tal coisa como praxes.. isso saberei para  o ano se tudo correr bem ^^

 

 

 

19/02/15

Decoração - Stickers e velas , adoro

Bem, ja faz algum tempo desde a ultima vez que publiquei algo ...

Esta semana, é semana de exames e depois: FERIAS ! Sim, o que não falta aqui são ferias e greves! 

Não sei porquê, mas hoje apetece-me partilhar com vocês alguns items de decoração do meu quarto : barato e lindo - Stickers (que ja falei num dos posts ) 

2.png

 

 ( O meu quarto é na realidade Laranja, não sei porque ficou dessa cor ... ) 

1.png

Buddah - vicio dos meus irmãos, ao lado: 3 velas (torre eiffel inclui uma vela) e a luzes em forma de coração ^^ (não funcionam ... ) 

 

Sou uma fã de velas, velas por todo o lado ! Adoro ver velas acessas, acalma-me, simplesmente lindo :) - incensos também, mas nem tanto xD

 

E vocês, qual é o vosso tipo de decoração preferido ? :) 

19/10/14

Profundas tristezas não saradas...

Ha dias, ha situações em que ja não sabemos como agir... o que fazer... o que dizer.... Por vezes, sentimo-nos tão mal, mas por habito fazemos de conta que tudo esta a correr bem ...as pessoas tem a impressão que nunca nos sentimos tristes, que podem dizer o que querem, fazerem o que quiserem; agirem como querem...E nos sentimo-nos cada vez mais destruidos, sentimos que ja estamos no limite, que não aguentamos mais, e mesmo assim, aqui estamos...aqui estamos com esse habito de sorrir, de mentir, de actuar...e o pior é que todos acreditam...

Talvez seja nossa culpa, nossa culpa por não sabermos pedir ajuda, ou nossa culpa por não conseguirmos ser sinceros conosco mesmos... eu não consigo... pergunto-me o que ainda faço aqui , pergunto-me porque continuo a suportar tudo isto e continuar a fingir... pergunto-me quem realmente sou afinal...

Começo a não saber como agir, a perder as forças... todos acreditam que talvez seja uma fase, que somos fortes por aguentar..eu diria que somos fortes por fingir... quem nunca fingiu que tudo estava bem então que so tinhamos vontade de chorar? Quem nunca disse "estou apenas cansada" quando perguntava se estava tudo bem ? Quem nunca teve a sensação que vai explodir com tantos sentimentos reprimidos? Quem nunca teve vontade de desistir ?

Tentamos pensar naqueles que nos rodeiam, aqueles que precisam de nos, a familia, os amigos, namorados, ou pessoas que iremos conhecer... mas chega o momento, que ja nem isso nos da forças...

Continuamos a suportar tudo, a fingir por falta de coragem... Continuamos na esperança que tudo vai melhorar, continuamos pois os outros acreditam nos nossos falsos sorrisos...Continuamos pois não sabemos mais o que fazer...

 Hoje estou num dia em que o peso das tristezas guardadas estão de volta...

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.